Nesta quarta-feira (2) a Aerolíneas Argentinas realizou sua última operação entre Porto Alegre e o Aeroparque, aeroporto central de Buenos Aires. A partir de agora, todos os voos entre as capitais gaúcha e argentina terão como origem ou destino o aeroporto de Ezeiza, mais afastado de Buenos Aires.

Tal medida decorre de uma resolução do governo argentino que decidiu pela “desregionalização” do Aeroparque, que visa concentrar todos os seus voos regulares com destino a outros aeroportos da Argentina ou do Uruguai. Essas alterações são divididas em duas etapas. A partir de 3 de maio desse ano – quinta passada – apenas 50% dos voos internacionais deveriam decolar ou pousar no Aeroparque. Na segunda, tendo efeito a partir de 1º de abril de 2019, todos os voos regulares ao AEP devem ter como origem aeroportos argentinos e uruguaios.

Efetivamente, a Aerolíneas/Austral já operava em Porto Alegre dois voos diários procedentes de Ezeiza desde 5 de março. Restava apenas um com destino ao Aeroparque, o ARG1231, que operava entre o fim da manhã e início da tarde. Seu trajeto, portanto, era EZE-POA-AEP. A partir de agora, será EZE-POA-EZE, assim como o voo da Austral, operado à noite.

A última operação Porto Alegre-Aeroparque foi operada pelo 737-800 LV-CXS. A aeronave pousou em POA às 11h11 como o ARG1230, decolando às 12h07 como o ARG1231.

Foto por João Machado

09896-37309350192_cf40cfbff7_o